Você é um motorista defensivo?  Dicas de Direção Defensiva para prevenir acidentes no trânsito!

Pensando na segurança no trânsito e na prevenção de multas e acidentes, buscamos realizar um Top 5 das boas maneiras e gentilezas no trânsito.

1. Pratique a Direção Defensiva


Para falar a respeito de direção cautelar, nada melhor do que iniciar com a definição. Afinal, o que é Direção Defensiva?

Segundo o Manual de Direção Defensiva do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran): “é a forma de dirigir, que permite a você reconhecer antecipadamente as situações de perigo e prever o que pode acontecer com você, com seus acompanhantes, com o seu veículo e com os outros usuários da via”.

Ou seja, a Direção Defensiva consiste no ato do condutor permanecer atento, precavido e responsável no trânsito. E isso quer dizer que o motorista precisa ter um monitoramento constante ao dirigir, não somente quando tiver condições adversas de trânsito.

2. A fragilidade indica responsabilidade!

Seguindo os cuidados preventivos, vamos falar sobre os membros participantes e suas responsabilidades equivalentes no trânsito.
Com essa dica, convoco desde os mais frágeis do trânsito (pedestres, bicicletas e motocicletas) aos mais robustos (caminhões, ônibus, micro-ônibus, caminhões com reboques e ciclomotores), o tamanho do veículo equivale a “potência” da responsabilidade. Desta forma, os maiores devem se atentar 3 vezes mais aos menores.
Por isso, mantenha a atenção para você e todos ao seu redor. Sendo precavido não tem erro, e nem acidente!

3. Não fuja dos equipamentos de proteção e segurança!

Desde o momento em que iniciamos na autoescola já temos ciência da importância de cada item abaixo:
Para os condutores, além do item manutenção preventiva e equipamento para o automóvel, devemos pensar também na própria segurança para qualquer trajeto: Use o CINTO DE SEGURANÇA!
Para os motociclistas de plantão, a necessidade vem em dobro: Utilize CAPACETE E BOTA.
Para a bicicleta, as dicas são em conjunto: Evite roupas pretas (principalmente em estradas!), utilize capacetes e luzes refletivas.
Segurança vem em 1º lugar sempre e esses acessórios e itens são essenciais independentemente do trajeto.

4. Mantenha o foco e a concentração!


Parece cliché, mas essa dica ainda se faz necessária. Ao ingerir bebidas alcoólicas, remédios ou qualquer outra substância, estar com sono, mexendo no celular/rádio ou conversando no telefone, não deve-se dirigir ou pedalar.
Ao praticar qualquer um dos atos acima citados, você estará sob o efeito de substâncias tóxicas ao seu organismo ou com o foco em outros afazeres, o que o deixará desatento e com reflexos lentos para responder mediante situações de risco.
Para dirigir preventivamente mantenha o foco e atenção na sua direção e nas ações dos demais condutores.

5 – Tenha um bom comportamento no trânsito!


É de bom-tom ser positivo e educado no volante, o bom comportamento gera a gentileza e um trânsito gentil é imprescindível. Por isso, não aceite desafios e nem provocações no trânsito, evite discussões desnecessárias. Se solicitarem ultrapassagem e existe a possibilidade, permita. Não abuse da autoconfiança ao dirigir.
Seja o tipo de motorista que você gostaria de encontrar nas vias.

Após essas dicas de boas maneiras e técnicas preventivas no trânsito, espero que vocês aproveitem e se tornem ainda mais cautelosos com a segurança nas vias.
Dirija com atenção e cuidado sempre!

Você sabe a importância dos acessórios de segurança para o seu carro?

Devido à sensação de insegurança vivenciada hoje em algumas regiões brasileiras, precisamos ser espertos e precavidos com nossos bens-materiais. Para isso, listamos alguns acessórios eletrônicos de segurança essenciais para evitar transtornos como roubos de automóveis.
Temos que usar a tecnologia ao nosso favor, não é mesmo?

Alarme

O primeiro item da nossa lista é o alarme. Sem dúvidas este acessório está entre os mais populares para segurança do carro e é considerado por muitos o adicional ideal para reduzir roubos.
Entretanto, a presença da luz gritante piscando, serve de alerta aos bandidos que existe a presença de um sensor protetor e isso pode se tornar um risco caso eles impeçam o disparo do mesmo – afinal, o item perderá a sua função.

Atualmente existem alarmes com diferentes tipos de baterias, mas um bom conselho é adquirir alarmes com baterias recarregáveis automaticamente. Desta forma o acessório não o deixará na mão quando precisar!

Localizadores

O segundo acessório mais recomendado no mercado são os localizadores. O item serve para “localizar” os veículos roubados. Para isto, em caso de roubo é necessário alertar a Central de Atendimento da empresa onde o produto foi adquirido.
Porém existem algumas desvantagens ao se utilizar somente do localizador, como o fato de não ser possível bloquear o veículo e, geralmente, não conter registro no armazenamento de dados no histórico.

Rastreadores

Acessórios para segurança de veículos também possuem tecnologia de ponta. Dito isso, nossa terceira recomendação são os rastreadores.
Estes são considerados os melhores equipamentos de segurança pelo mercado, devido a sua precisão na localização de forma ativa e em tempo real. Ou seja, sua função é semelhante ao localizador, porém de forma mais efetiva e ágil.
DICA: Seu preço é competitivo no mercado de segurança veicular e o benefício é recomendado, então vale o investimento!

Bloqueadores

Como o próprio nome sugere, este acessório serve para bloquear veículos. E, para conseguir tal ato, o equipamento bloqueia a bomba de combustível ou a chave de ignição do carro/moto/veículo de carga.

Em conjunto ao alarme ocorre um alerta eletrônico no qual a empresa contratante que monitora recebe a informação e bloqueia o veículo. Assim o veículo passa a disparar o alerta sonoro: “Este veículo está sendo roubado e é monitorado…”.
Porém, a desvantagem deste item é o preço em comparação aos demais, mas um ótimo benefício.

Insulfilm

Para completar nossas dicas, não poderia faltar: o insulfilm. Que tem como objetivo “esconder” a parte de dentro do carro, fazendo com que a parte interna se torne uma incógnita e possibilite a desmotivação do invasor. E neste sentido de “esconderijo”, o insulfilm funciona tanto para quando carros estão em movimento ou imóveis.

O importante é estar atento ao limite de transparência do vidro e, segundo o CONTRAN (Conselho Nacional de Trânsito), o uso é permitido desta forma:

· Para os vidros laterais traseiros e vidro traseiro: 27% a 100%;
· Para vidros das laterais dianteiras: 70% a 100%;
· Para o para-brisa: 75% a 100%.

Quer investir em itens para a segurança do seu carro? Conheça os equipamentos da GS Seg para rastreamento e localizadores!

Lembrem-se com a segurança não se brinca! 😉

 

Dificuldades para dirigir a noite: veja dicas e perca o medo

Quem é mais jovem, ou mais inexperiente, costuma sentir muito a diferença entre dirigir durante o dia e à noite. Por essas e outras razões, muita gente acaba deixando para transitar apenas durante o dia, ou em casos de extrema necessidade. Outras pessoas acabam abrindo mão de compromissos, por medo de enfrentar a direção noturna.
Aliás, não só os mais jovens na direção sentem dificuldade: a falta de detalhes durante a noite, acaba prejudicando a visão de muitos motoristas. Os problemas mencionados são muitos, entre eles o ofuscamento, a dificuldade de visão e de conseguir enxergar em longas distâncias, o farol dos outros carros, as ruas mal iluminadas, enfim, são várias as dificuldades.
Todas elas fazem muito sentido, afinal, nossa visão acaba enfrentando limitações por causa da falta de luz. Mas, o problema de dirigir à noite não é só com relação ao campo de visão: o escurecimento dos locais, acaba gerando também o medo e a insegurança.
Hoje, trouxemos algumas dicas para você que tem medo de dirigir à noite. Fique atento a esses itens e sinta-se mais tranquilo para encarar a direção noturna:

1. Com visão limitada, redobre sua atenção
Atenção nunca é demais, mas, ao dirigir a noite, ela se torna ainda mais importante. Como o alcance de nossa visão diminui bastante por causa da falta de luz, procure não exceder os limites de velocidade. Assim, caso precise frear repentinamente, você evitará acidentes.
– Siga a velocidade da via em questão
– Mantenha uma distância ainda maior do carro da frente
– Como é mais difícil enxergar as placas, tente se guiar ainda mais pela sinalização horizontal,


2. Semáforos e luzes
A luz, como já dito, é a grande motivação para favorecer ou dificultar a direção. À noite, a luz do farol de outro carro pode acabar incomodando a sua visão, estejam eles no sentido contrário, ou atrás de seu veículo. Então, algumas dicas são:
– Não use o farol alto quando não for necessário e, mais ainda, evite-o no momento em que estiver cruzando com outros carros, para não cegar o outro motorista e acabar causando acidentes.
– Evite ligar as luzes interiores do carro enquanto estiver dirigindo, pois isso também dificulta a visão, tanto dos retrovisores, quanto de fora, impedindo a percepção das luzes e sinalizações exteriores.
– Falando nos semáforos, à noite, especialmente de madrugada, esteja atento ao semáforo, independente de ele estar favorável ou não a você. Se o sinal estiver verde, mantenha o cuidado em cruzamentos, para não encontrar motoristas que ultrapassam o sinal vermelho (o que é muito comum nesse período). Se farol estiver vermelho, freie antes, não permanecendo muito tempo parado à noite.

3. Segurança
Todas as dicas anteriores visam, antes de qualquer coisa, a segurança. Mas, além dos perigos da direção à noite, há também o perigo da violência. Nesse caso, algumas coisas também precisam ser relembradas:
– Cheque todos os itens do carro antes de sair, como os pneus, evitando precisar parar o carro inesperadamente na rua.
– O mesma serve para o tanque, evite andar na reserva, especialmente nesses horários.
– Não estacione o carro em qualquer lugar, prefira estacionamentos ou locais bastante iluminados, movimentados e, se possível, próximos a câmeras e comércios.
Uma dica valiosa, ao parar o carro na rua, é lembrar que por mais que pareça movimentada, dependendo do horário que você voltar para pegar o carro, o cenário pode ser completamente diferente. Por exemplo, parar numa rua de comércio às 19h, e voltar as 23h para buscar o carro, pode ser uma experiência perigosa.

4. Previna-se
Seja qual for o caso, em dificuldades na via, falhas mecânicas, ou roubos e furtos, a melhor das alternativas é se prevenir e ter com quem contar quando precisar de algo, especialmente à noite.
Nessas horas, além do cuidado e da atenção, o rastreador torna-se um dos melhores aliados, por vários motivos. Aqui na GS Seg, por exemplo, nosso maior foco é na sua segurança e de seu veículo. Então, desenvolvemos serviços que pudessem te ajudar tanto em casos de roubos e furtos, quanto com problemas no veículo, e em qualquer hora do dia.
Pensando também que o medo de dirigir a noite é ainda mais comum em pessoas mais jovens ou inexperientes, nosso serviço não avalia perfis e, com isso, não encarece para esses condutores. Por isso, oferecemos para TODOS, o serviço de rastreador + assistência 24h, por apenas R$69 mensais, para qualquer veículo ou qualquer perfil de motorista.
Assim, independente de onde você estiver, ou de onde parar seu veículo, ele será monitorado e rastreado a todo instante. O mesmo serve para a Assistência 24h.
Fale com a GS Seg e dirija à noite tranquilamente, sabendo com quem contar pelo melhor preço!

Dicas para aumentar a segurança de sua moto

Há alguns dias, falamos por aqui sobre o fato de mais de 90% das motos não terem nenhum tipo de cobertura e, dessa forma, andarem desprotegidas pelas ruas. Isso se deve ao fato de que, ao orçar planos de seguros tradicionais, as pessoas encontram valores exorbitantes. Se você não viu esse post, clique aqui para saber mais.

Como prezamos pela segurança, é nosso dever aconselhar e apresentar aos motociclistas todas as dicas para que protejam o máximo possível suas motos, ou que dificultem o furto e roubo. E isso não só porque a grande maioria das motos não tem proteção, mas porque elas são naturalmente mais fáceis de serem roubadas, por vários motivos.
O que viemos dizer hoje é que não basta optar por apenas uma medida de segurança para sua moto, afinal, o grande segredo está em combinar algumas delas, por um único motivo: quando o assunto são as travas e acessórios, todos possuem algumas falhas. Portanto, não se garanta apenas neles!

Acessórios para proteção: tenha segurança
É muito difícil encontrar motos que não tenham ao menos algum desses acessórios, sejam eles travas, correntes e alarmes. Todos inibem ou dificultam sim os furtos, mas jamais podem ser utilizados sozinhos.
Por exemplo, as correntes, apesar de dificultar o roubo, podem ser facilmente quebradas, especialmente se você tem o hábito de estacionar a moto longe, ou por longas horas. Por isso, atualmente existem diversas opções de correntes, pensadas exclusivamente para a otimização do uso em motocicletas. Assim é com todos os outros acessórios, que inibem sim o roubo, mas, se o ladrão tiver tempo, poderá se livrar deles.

O rastreador para motos
O sistema de Rastreamento é o mais apropriado para motos, po r muitas razões. Seja pelo valor, pela capacidade de recuperação em casos de roubos, ou pela sofisticação, os rastreadores se tornaram uma das medidas de segurança mais adotadas pelos motociclistas.
Então, se você conseguir combinar um sistema de trava + rastreamento, já tem sua moto muito mais protegida e o ladrão pensará duas vezes antes de escolher a sua para realizar o roubo.
Aqui na GS Seg, aceitamos todos os tipos de motos, sem análise de perfil. Isso significa que, você tem proteção com um valor fixo e baixo, independente da sua rotina, perfil, ou modelo de motocicleta. Em casos de roubos e furtos, temos imediatamente a localização da sua moto e você também através de um aplicativo que funciona em tempo real.
Outro detalhe é que o custo é um dos mais baixos do mercado: apenas R$69 mensais, além da instalação de R$299. Essa instalação é também a mais rápida do mercado, sendo feita em 24h.
Fora isso, ainda temos a opção de rastreamento com indenização, caso sua moto não seja mesmo encontrada. Para isso, você pode fazer um orçamento com a nossa equipe.


De modo geral, é bom entender que todos esses equipamentos têm sua funcionalidade, mas devem ser utilizados de maneira estratégica, combinando com o rastreamento. E você, o que costuma usar em sua moto ou adoraria adquirir?